Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Tenho uma dúvida

Porque é que quando temos algo ferido, magoado ou dorido tudo lá vai bater. Por exemplo, se temos um corte num dedo cada vez que pegamos num papel este teima em entrar directamente no corte. É uma lei universal à qual, parece que, ninguém é imune. Quem tem sofrido devido a esta lei do universo é o meu Santiago.

Tudo começou no dia em que caiu do sofá e tivemos que ligar para o 112. Passado o susto ficou com um galo e uma negra acentuada na testa, mais concretamente por cima do olho esquerdo. Uma semana ou duas depois, quando a negra já estava a passar, caiu em casa da avó e bateu com a cabeça na quina da porta. Claro que a porta bateu no sitio exacto onde já existia uma negra e passamos a ter uma negra por cima de outra. Passou-se mais umas semanas e a cabeça do menino já parecia estar em forma. Eis que ontem caiu ao tentar subir para a mesa de vidro e bateu mesmo na quina da mesa. Adivinhem lá onde é que bateu? Pois mesmo, mesmo no mesmo sitio. Acho que vai ficar com um galo permanente naquele sitio.

 

2016-01-21 17.36.22.jpg

2016-01-21 17.36.39.jpg

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Catarina 25.01.2016

    O galo já foi agora tem uma mancha verde na testa :)
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.