Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Fim de semana prolongado

Este fim-de-semana prolongado foi bom mas parece que passou ainda mais rápido que um fim-de-semana normal. Por norma aproveitamos estes dias para fazer mais algumas coisas para as quais o fim-de-semana normal não tem horas suficientes. Na sexta-feira fomos visitar uns amigos em Alfeizerão foi um dia muito bem passado o único senão foi estar a chover. Sempre que lá vamos temos um hábito de ir passear à beira mar em são Martinho do Porto e desta vez não pudemos ir. Os miúdos estavam em pulgas para escalar uma duna imensa que lá existe, o Guilherme dizia que desta vez ia subir ainda mais rápido e o Leonardo só dizia que custa muito e que fica muito cansado. Da ultima vez tive que ser eu a subir com ele para o ajudar e o pior nem é subir mas sim descer pois tem um grau de inclinação. Lembro-me de vir a correr por ali a baixo e pedir para não cair pois se tal acontece-se viria a rebolar o resto de percurso. Bem a escalada terá que ficar para a próxima.

Viemos embora já de noite mas, só depois de o Leonardo fazer um galo, do tamanho de um ovo, nos carrinhos de choque. Ficou todo assustado, nesse aspecto é muito medroso. Para mim até é um alivio porque, conhecendo-o como conheço, ganhou medo aos carrinhos de choque e não vai querer andar tão cedo.

No sábado ficamos por casa, mil e uma coisas para fazer, máquinas e máquinas de roupa para lavar. Tivemos a verificar e todos os dias temos uma maquina de loiça cheia, no fim-de-semana lavamos uma ao almoço e outra ao jantar. E a roupa, lavei 4 maquinas no sábado, duas no domingo e durante a semana por norma faço mais duas. As máquinas são A+++  mas mesmo assim aparecem contas de quase 200 euros ( luz e gás). Depois de todo o dia a lavar, estender e apanha roupa e o marido a tomar conta dos pequenos trocamos. O marido saiu para jogar à bola e eu dei jantar ao quatro, adormeci os gémeos, deixei os mais velhos a ver televisão e fui dormir. Esqueci-me de referir que eu e o marido comemos um pão-de-ló  de Alfeizerão inteiro, ainda bem que só lá vamos uma ou duas vezes por anos porque aquele bolo é viciante.

No domingo acordei e fui logo presenteada com uns postais lindos, um colar feito com pelo Leonardo e uma moldura do meu Guilherme.

18349740_WVSzA[1].jpg

18349738_p2CBk[1].jpg

 

 Fomos almoçar com os meus sogros, demos um salto à Geox para comprar calçado para os mais velhos e passeamos um pouco. Depois fui para o cinema com o Gui, o Leo e a minha mãe enquanto o marido ficou com os bebes.  Fomos ver o filme Home que se revelou um filme engraçado para as crianças. Mandamos um balde grande de pipocas a baixo. Enfim divertimos-nos muito mas o dia passou a voar. Chegamos a casa e os gémeos estavam impossíveis. O pai disse que estranharam ficarem só com ele, ficaram logo todos contentes de  me ver  e aos irmãos mas ao mesmo tempo estavam rabujentos de sono.

Tive sorte e ainda recebi mais um presente, um Samsung Galaxi. O marido diz que faltava a prenda dos gémeos. Realmente sou uma mulher muito amada. Costumo dizer que tenho resmas de gajos a gostarem de mim, digam lá que não é verdade.