Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Comidas estranhas

- Mãe quando é que fazes outra vez caromões?

 - Caromões?

- Sim quando é que fazes outra vez?

- Se eu soubesse o que é isso até fazia mas não sei.

- São caromões.

- Isso não existe.

- Existe sim. Tu já fizeste. São aqueles bichos cor de laranja com bigodes.

- Camarões.

- Sim foi o que eu disse caromões.

 

- Mãe está carne está deliciosa.

- Pois está. 

- Amanhã vou querer comer mais entrepassada.

- Vais querer mais o quê?

- Está carne, entrepassada.

- Entremeada.

- Pois isso.

🤣🤣🤣

Tenho uma coisa na garganta

- Mãe tenho uma coisa na garganta, olha. - diz o Salvador enquanto abre a boca.

- Não vejo nada. Deve ser só impressão tua.

- Não mãe, tenho mesmo. Olha bem.

- Filho não vejo nada. Tens a garganta inflamada e é isso que estás a sentir.

- Não mãe tenho um pico na garganta. Está aqui espetado. - diz enquanto aponta para a maçã de Adão.

- Tens um pico na garganta? É como é que ele foi aí parar.

Ele olha para mim de olhos muito abertos com cara de gozo e diz:

- Foi magia.

😂

Um mega mau dia

 - Mãe hoje foi um mega mau dia!

- A sério filho? Porquê?

- Fiquei de castigo mas não fiz nada de mal.

- Vocês nunca fazem nada.

- Foi assim. O Salvador estava a chorar. A professora perguntou porquê e ele disse que o Santiago não queria brincar com ele. Então ela colocou a mim de castigo. Eu disse que era o Santiago C. mas ela não ouviu. Eu não fiz nada e fiquei de castigo.

- Salvador estavas a chorar porquê?

- Eu queria brincar com o Santiago C. mas ele não queria brincar comigo.

- Vês eu disse que não fiz nada. Foi mesmo um mega mau dia. 

Somos uns pais mauzinhos

Num destes fins de semana em que tivemos a casa cheia sai com o meu pai, a minha mãe e a tia. Passamos pela escola do Leonardo e eu comentei.

- Está é a escola do Leo.

- A escola? Mas onde é a entrada?

- Ele tem que subir aquela escadaria o portão da escola fica a meio.

- A escadaria é enorme e íngreme! Coitado do rapaz faz exercício logo de manhã.- Comenta a tia

- Só tem que subir de manhã e aí ainda está fresco. Ao fim do dia vem cansado e só tem que descer as escadas. Até não é mau. - Argumenta o meu pai

- Tens razão. 

Eu soltei uma gargalhada e disse. 

- Estão a ver mal a coisa. De manhã eu paro o carro nesta rua e ele sobe meia escadaria para ir para a escola. À tarde o Rodrigo para o carro na rua de cima e ele tem que subir o resto da escadaria para voltar para casa. 

Tivemos todos um ataque de riso mas depois ouvi que éramos muito maus para o rapaz. 

 

Tenho bichos nos pés

- Mãe tenho, outra vez, bichos nos pés.

- Estamos quase a chegar à escola.

- Mano porque estás a tirar os ténis. Estamos a chegar! - grita o Santiago

- Mano está calado. Eu preciso tratar das minhas coisas.

- Mãe o Salvador está a tirar as meias. Agora está descalço. Como vamos sair do carro.

- Mãe eu tinha muitos bichos nos pés. Tive que tirar os tudo para tratar deles.

Quero querer que os bichos nos pés é formigueiro de trazer as pernas penduradas na cadeira mas certezas não existem. Só sei que quase todos os dias tenho o mesmo episódio no carro😳