Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

O que fez a mãe no domingo à tarde?

Domingo à tarde. O marido foi adormecer os gémeos e acho que caio no sono primeiro que eles. Os mais velhos não estavam porque tinham ido passar o fim de semana com os avós. Eu vi-me sozinha, como tinha a casa toda em ordem pelo que aproveitei para:

  1. dormir
  2. relaxar enquanto lia um livro ou colocar séries em dia
  3. fazer uma daquelas tarefas entediantes e morosas que nunca ninguém quer fazer.

Acho que é impossível falhar 

 

É assim que fazemos cá em casa.

Muitas são as pessoas que se admiram de conseguirmos ter tudo organizado com tanta criança. Lembro-me de o dono da farmácia que sou cliente me perguntar se eu ia deixar de trabalhar, segundo ele seria impossível ter quatro filhos e ainda trabalhar um horário completo. Entretanto a Niki mencionou que gostaria de saber como é que eu me organizava para fazer as coisas e eu resolvi aceitar a proposta. Assim vou deixar aqui alguns post sobre como nos organizamos cá em casa.

Hoje vamos falar sobre a limpeza e arrumação da casa. Primeiro que tudo devo dizer-vos que a decoração em nossa casa é minimalista, temos muito poucos bibelôs. Não gostamos assim muito deste tipo de coisas e os poucos que tínhamos têm sofrido fatalidades ao longo do tempo. A maioria dos móveis têm pés o que possibilita uma fácil limpeza sem que tenhamos que estar sempre a desvia-los.

Já, por mais do que uma vez, afirmei que é o marido que limpa a casa e volta a enaltecer este assunto. Por norma na quinta-feira à noite sacudimos os tapetes, temos o cuidado de arrumar os brinquedos todos e se sobrar tempo ainda limpamos alguma coisa. Na sexta o marido vai a casa há hora de almoço, costuma limpar o pó, aspirar e lavar os quartos e hall. Depois do trabalho trata da sala, cozinha e hall de entrada. Costumamos pedir à avó que fique com os gémeos até às 20H. Eu vou à piscina com os mais velhos, depois passo por casa da avó a buscar os pequenos e quando chegamos a casa já costuma estar tudo limpinho.

Quando o marido não consegue fazer as coisas na sexta temos que tratar disso no sábado. Eu e os mais velhos entretemos os gémeos entre a cozinha e a sala enquanto o marido se fecha na outra metade da casa a limpar. Eu vou tratando da roupa e do almoço. Quando vou dar almoço aos gémeos o marido já acabou lá dentro. Os miúdos vem todos para a cozinha e ele trata da sala. Depois almoçamos, arrumamos e limpamos a cozinha.

Claro que isto resulta porque nunca temos a casa muito suja. No domingo, ao final do dia, o marido aspira a casa toda enquanto eu trato de dar comer aos pequenos. Depois ao longo da semana vamos passando o swiffer no chão ( dia sim, dia não). O mesmo se passa com o pó, como temos móveis pretos parece que estão sempre com pó. Costumamos ir passando o pano nos móveis mais escuros e na televisão duas ou três vezes por semana. Demora cinco minutos e fica logo tudo com outra cara.

O chão vai sendo lavado consoante é necessário. Ultimamente é prática mente todos os dias porque os gémeos sujam todo a comer.

Regras:

  • Prateleiras, candeeiros e outros artigos altos costumam ser limpos de quinze em quinze dias.
  • Interior de roupeiros, louceiros e móveis da cozinha são limpos 2 vezes por ano, quando estamos de férias.
  • Janelas são limpas quando calham. No Verão costumo limpar de quinze em quinze dias mas de inverno não sou tão rigorosa. Limpo as dedadas por dentro, quando está sujo e dou um jeito por fora se não tiver a chover.
  • Espelhos dos roupeiros nunca estão limpos mesmo que os tenhamos limpo há cinco minutos atrás. Por aqui gosta-se muito de colocar as mãos nos vidros para abrir as portas. Os gémeos também gostam de beijar e lamber os espelhos.
  • As casas de banho são limpas ao fim-de-semana. Durante a semana dá-mos um jeitinho caso seja necessário.
  • Os miúdos  estão proibidos de comer fora da cozinha. Durante uns tempos deixava-os comer bolachas no quarto com um tabuleiro. Mas depois descobria o tabuleiro virado ao contrário e a cama cheia de migalhas. Agora comem sentados à mesa e o Guilherme até varre o chão se vir migalhas espalhadas.

Acho que só me falta mencionar que se houver um trabalho de equipa tudo se faz. Podemos aproveitar estas actividades rotineiras e juntar alguma brincadeira com os pequenos.  Se ando a limpar o pó dou um pano aos gémeos e ele começam a imitar-me. É vê-los a esfregar o pano em tudo onde chegam. Se vou aspirar, passo metade do tempo a aspirar os gémeos e eles adoram. Para além de promover algum tempo de brincadeira também os ajuda a começarem a gostar de limpar e ver as coisas limpas. Quando mais velhos estão em casa e andamos em limpeza, pedem logo um pano e tratam de limpar o quarto deles. Não fica maravilhoso mas vão aprendendo a fazer as coisas. Eu fico toda contente de quererem ajudar.

E vocês tem mais algumas ideias para melhorarmos estas rotinas e quem sabe poupar tempo.