Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Conseguem adivinhar?

Quinta-feira os mais velhos voltaram todos animados da escola com o pai. No dia seguinte apenas teriam o desfile de carnaval e brincadeira pelo que estavam oficialmente de férias.  

Eu cheguei a casa meia hora depois, fui recebida por três meninos e nem sinal do quarto. Perguntei por ele e informaram-me que correu com o Guilherme do quarto e trancou-se a fazer uma coisa.

Conseguem adivinhar o que é que o rapaz estava a fazer? Vamos lá ver se alguém adivinha, eu passo por aqui por volta das duas da tarde para vos contar.

Rotina depois do trabalho

Muitas são as pessoas que nos perguntam como é a nossa rotina de final do dia, afinal dar banho, fazer jantar, fazer trabalhos com quatro crianças é dose. Resolvi  então escrever um pouco sobre o assunto. À partida temos uma vantagem que é o facto de o marido os conseguir ir buscar à escola às 17:30. O marido vai buscar os gémeos por volta das 17:15, segue para a escola onde apanha os mais velhos e, por norma, às 17:45 já estão em casa. Se é dia de actividades ( segundas, quartas e sextas) os rapazes começam imediatamente a fazer os trabalhos. Entretanto eu chego por volta das 18:15, apresso-me a trocar de roupa e corremos para a piscina. Voltamos para casa às 20 horas jantamos o que o marido fez ou aqueceu. Nos dias de actividades tento deixar adiantado ou, até já feito, o jantar de véspera, assim o marido fica com a tarefa facilitada uma vez que também têm que tomar conta dos gémeos. Quando terminamos o jantar os rapazes acabam os trabalhos, se ainda não estão todos feitos e, ou, vêm um pouco de televisão até às 21:30 que é a hora de se deitarem.

Nos dias em que não há actividades chego a casa e costumo encontra-los a começar os trabalhos de casa. Eu vou fazendo o jantar enquanto os vou ajudando nas dúvidas. Costumam acabar os deveres ao mesmo tempo que o jantar fica pronto, ou então esperamos um pouco até eles acabarem. Nestes dias jantamos um pouco mais cedo o que significa que ficam com mais tempo para brincar ou ver bonecos.

O ano passado o Guilherme tinha musica para além da natação o que nos dificultava mais a vida. O pai deixava-o na musica depois da escola, eu ia busca-lo e íamos para a natação. Nesses dias jantava, fazia os trabalhos e quando acabava já eram horas de dormir. Por vezes tinha pena dele mas ele é que queria ter aquelas actividades.

Este ano ainda não sei se vai ou não voltar para a musica. Tão depressa diz que quer como não quer, também fala no futebol mas não sei se será possível conciliar os horários até porque acho que as crianças têm que ter tempo para ser crianças….

 

Help preciso de ideias!

Não sei se tem o mesmo problema com nas escolas dos vossos filhos mas nós por cá passamos a vida a receber recados para ir à escola. Ora é o Natal, ou reuniões, ou acções com a PSP, dia da mãe, do pai, da família, mais reuniões. A ultima é para ir assistir a demonstração canina. Já me esquecia, até o masterchef lá esteve. Para além disso pedem-nos para fazer fatos de carnaval, inventar histórias, ir cozinhar à escola, etc. Será que não percebem, que por muito interesse que tenhamos em acompanhar os nossos filhos, alguns de nós tem que trabalhar para viver. Eu já passo a vida a faltar para ir a consultas com quatro crianças se vou a tudo na escola mais vale pedir demissão.

Agora tenho uma página do livro do segundo ano para fazer. Devo confessar que não temos jeito nenhum para trabalhos manuais e depois de ver os outros fizeram fico sem vontade nenhuma de fazer nada. Está tudo tão lindo e perfeito que o nosso trabalho nunca chegará aos calcanhares.

Bem vou pesquisar para ver se encontro algo lindo e maravilhoso para fazer. Aceito ideias