Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Parabéns para mim!

Faz hoje 33 primaveras que aqui esta senhora decidiu vir ao mundo. Nasci uma bebe muito pequenina, tinha apenas 53 cm e 5,900 kg. Como se não bastasse o meu tamanho ainda resolvi não dar a volta só para mostrar que eu é que mandava. A minha mãe passou uma eternidade em trabalho de parto enquanto os médicos tentavam de todas as formas virar-me de cabeça para baixo. Sei que alguns bebés nascem de pés mas no meu caso não era opção porque tinha umas pernas bem gordas. No fim de quase vinte e quatro horas de trabalho de parto lá adormeceram a minha mãe e tiraram-me a ferros.

Depois disto tudo a minha mãe deve ter percebido logo que eu não iria ser pessoa fácil. Tenho a dizer em minha defesa que o facto de não ter dado a volta não se ficou a dever a ser ruim.Quem manda a minha mãe de 1,52 metros engordar quase 30 quilos e tentar gerar uma pequena orca numa cavidade minúscula? Claro que eu não tive espaço para dar a volta pelo que divido as culpas em 50-50.

Agora que já vos contei como cheguei ao mundo de forma atribulada vou aproveitar o dia livre para passear.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.