Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Eu e o Inverno

Durante anos até gostei do inverno. Adorava andar à chuva e sentir o cheiro a terra molhada. Amava saltar as poças de água, isto já crescida. Andava frequentemente toda molhada porque nunca usava um guarda chuva. Gostava dos dias de céu limpo e aproveitava as horas de sol para aquecer o corpo. Adorava ir à neve e brincar até o frio se entranha nos ossos.

Adorava em pequena e continuei a adorar durante muitos anos. Adorei até ser mãe. Quando os meus filhos começaram a nascer percebi que o inverno é sinónimo de tosse, ranho e febres.  Os dias frios e escuros estão acompanhados de noites mal dormidas entre doenças e preocupações.

Os dias são passados entre idas ao médico, farmácia e medicamentos. Quando pensamos que ultrapassámos o obstáculo aparece logo outro e recomeça tudo outra vez. 

Se pudesse mudava de sítio em sítio e só vivia no verão  

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.