Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

A mãe não pode resolver tudo

O fim de Agosto trouxe os meus filhos mais velhos de volta a casa. O fim de semana foi passado em grande euforia. Quatro rapazes a matar saudades. Tivemos beijos e abraços. Tivemos disputas por coisas triviais. Quinze dias sem se verem, sem terem que partilhar as coisas. Agora é necessário que cada um demonstre como cresceram nestes dias. É necessário que se afirmem e consigam o seu espaço pessoal. 

Eu tento não interferir, afinal é quase impossível ser imparcial se me meter nas disputas. Sei que, muitas vezes, um dos meus filhos tem razão e o outro está a ser injusto. No entanto, também sei que a vida é repleta de injustiças. Muitas vezes só podemos contar connosco próprios para resolver um conflito. É por este motivo que evito intervir nos conflitos. Espero que aprendam por si a resolver as contrariedades afinal a mãe não pode estar sempre por perto para salvar o dia. 

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Catarina 04.09.2019

    Obrigada Ana. Não é fácil manter-me neutra nestas situações mas tento porque acredito que os estou a ajudar a crescer.
  • Sem imagem de perfil

    Ana Silva 04.09.2019

    Pois fácil não é. Mas super protecção é desprotecção.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.