Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Será que as minhas viagens podem ficar ainda mais difíceis?

Os pequenos descobriram o cubo dos irmãos e agora não o largam.

2015-06-01 15.06.48.jpg

Insistem em levar o cubo e tentar completa-lo nas viagens de carro. Cada vez que faço uma curva oiço:

- Mãe fizeste-me perder. 

Se o carro salta devido às más condições da estrada:

- Mãe tens que ter mais cuidado. Perdi por tua causa.

Se acelero um pouco:

- Mãe perdi porque o carro ia muito depressa. Tens que ir mais devagar.

Se abrando para uma rotunda ou curva apertada:

- Ó mãe perdi outra vez. Não podes parar.

Por muito que lhes explique que é impossível jogar num carro em andamento eles recusam-se a aceitar. A mim resta-me fazer as viagens enquanto tento não me irritar com as ordens que vem do banco de trás.

Quem espera sempre alcança

Fomos à feira do livro. Assim que chegamos o Santiago disse que queria uma espada balão. Não sei bem onde arranjou a ideia mas não parava de pedir uma. Fomos andando, vendo e escolhendo livros. O rapaz estava animado mas continuava a pedir uma espada balão.  Um pouco mais à frente estavam a distribuir balões normais. Os rapazes aceitaram todos e eu pensei que o Santiago tinha ficado satisfeito. Andou contente algum tempo mas depois tornou a perguntar pela sua espada balão.

Corremos a feira toda e não vi ninguém a fazer modelagem de balões. Disse ao rapaz que não havia espadas feitas de balão e seguimos. Voltamos atrás porque os mais velhos queriam livros de uma determinada banca. Localizamos a banca, compramos os últimos livros e descemos o parque para abandonar a feira. O Santiago continuava a pedir a espada e eis que, no meio da multidão, encontramos uma espada balão perdida no chão. Olhamos em volta e ninguém procurava o objecto. O rapaz pegou prontamente nela e voltou para casa ainda mais feliz.

É caso para dizer que quem espera sempre alcança.

Conversa ao jantar

- Leonardo queres mais? 

- Não mãe.

- Mãe o Leonardo parece que está doente.

- Então porquê?

- Porque não quer repetir nem parece dele.

- Pois não.

- Leonardo, estás doente?- pergunta o Guilherme

- Claro que não. Estou tão obcecado com a nossa brincadeira que nem consigo comer. Vou já para cima preparar tudo. Despacha-te para vires brincar.

Não me perguntem que brincadeira fantástica era mas devia ser fantástica para o rapaz nem conseguir comer

Profissão Mãe

Mãe é cozinheira profissional porque faz os melhores cozinhados do mundo.

Mãe é empregada a dias, passa o tempo todo a limpar.

Mãe é costureira quando tenta remendar a roupa que os pequenos rompem.

Mãe é lavadeira e engomadeira de tanta roupa que lava e passa.

Mãe é professora, passa horas a ensinar os filhos.

Mãe é médica e enfermeira todas as vezes que trata os filhos doentes.

Mãe é policia quando impõe a autoridade.

Mãe é, muitas vezes, juíza quando tem que aplicar castigos.

Também é detective quando investiga quem é o autor do crime.

Mãe é guarda prisional quando garante que os castigos pesados são rigorosamente cumpridos.

Mãe vira bombeira quando vê que um filho corre perigo.

Mãe é canalizadora cada vez que os filhos colocam coisas estranhas na sanita e esta acaba entupida.

Mãe também gere um serviço pessoal de Uber. Passa o dia a levar e colocar crianças na escola, actividades, explicações, festas, desporto, etc.

Mãe é psicóloga quando ouve as confidencias dos filhos e faz o melhor para os ajudar a resolver as situações.

Mãe vira vendedora quando tenta convencer os filhos a comer mais fruta e vegetais.

Mãe é operadora logística, todos os dias gere as necessidade e horários de uma casa cheia.

Mãe é magica quando faz aparecer, milagrosamente, objectos que todos julgavam perdidos.

Mãe é mediadora quando resolve os conflitos dos pequenos.

Mãe é decoradora quando prepara as festas.

É pasteleira quando faz bolos e doces para as reuniões de família.

Mãe vira artista quando faz todos os projectos pedidos pelas escolas dos pequenos.

Mãe é advogada quando defende os seus filhos.

Mãe é tudo isto e muito mais.

Ficam a saber que não somos pais simpáticos

O Leonardo teve um passeio hoje de manhã e a conversa foi assim:

- Alguns dos meus colegas têm pais simpáticos que os deixam levar coisas fixes para o passeio.

- E que coisas fixes são essas?

- Telemóveis, PSP, Nintendo. Coisas para se entreterem na viagem.

- Coitado de ti meu filho que não tens pais simpáticos. Nós esperamos que nos passeios as crianças cantem, conversem, vejam coisas e aprendam. Não que passem o tempo a jogar.

É lá foi ele, todo amuado, para a escola porque o passeio ia ser aborrecido e não tinha nada para se entreter.

Mãe quero ver o filme dos dinossauros

- Mãe quero ver o filme dos dinossauros. - pede o Salvador - Dos dinossauros verdadeiros não é de bonecos.

Eu procuro a gravação do Jurassic Park e coloco a dar.

- Não é este filme!

- Então este é o filme dos dinossauros.

- Não eu quero ver o outro com duas pessoas dentro da bolha e com o T-Rex grande que vai comer as pessoas.

Percebi então que se estava a referir aos cartazes de apresentação do novo filme.  Pena que ainda é muito pequeno para ver este tipo de filmes no cinema.

 

Resultado de imagem para jurassic world 2