Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quatro Reizinhos

Uma mãe obsessiva, um pai muito stressado e 4 filhotes. O mais velho hiperativo, o segundo com um feitio muito particular e dois bebes gemeos. Tanta cabeça debaixo do mesmo tecto não pode dar coisa boa.

Coisas que só nos acontecem a nós nº 10

Há coisa de um ano atrás o marido levou a minha carrinha, por algum motivo que agora não me recordo.

Quando regressou vinha danado comigo:

- Catarina és sempre a mesma coisa! Lembras-te de me dizeres que já não se pagava paquímetro na praia? Pois tinhas uma multa no para brisas! O que me chateia não é teres apanhado a multa, é andares quase à quinze dias com o papel e não teres reparado. Está quase no fim do prazo para dar os dados para lá, senão a multa é pior.

Eu ouvi tudo e pensei, ainda bem que ele não sabe que já andei a limpar o vidro com o papel para ver se voava.

Claro que não paguei a multa. Fiz uma carta para a empresa detentoras dos paquímetros a contestar. No dia em questão fui a quatro paquímetros diferentes e estavam todos fora de serviço. Informei-os que não poderia ser responsabilizada por uma falha deles, provavelmente puseram-nos a trabalhar mais tarde mas era só o que faltava ter que andar constantemente a verificar.

Recebi uma carta umas semanas depois a dizer que perante o exposto a multa ficava sem efeito.

E por ai também sofrem do mesmo problema?

Aqui em casa ocorre sistematicamente um fenómeno que me põe os cabelos em pé.

Uma pessoa vai às compras e compra um bom cacho de bananas. No dia seguinte alguém me diz:

-Já não há bananas!

Fico a fazer contas de cabeça a tentar perceber como é que é possível já terem comido tudo. Mais tarde passo no supermercado a comprar bananas. Chego a casa e ponho as na fruteira. Passado uma semana as bananas estão intocadas no mesmo sitio, acabando muitas vezes por irem para o lixo.

Este fenómeno repete-se com todo o tipo de fruta,com fiambre, queijo, iogurtes, etc....

Juro que por vezes já não sei o que comprar. Neste momento até estou com sorte, porque como os gémeos ainda não escolhem a fruta consigo sempre dar-lhes a que vai ficando madura. Mas em relação ao resto não há salvação.

 

E por ai também sofrem do mesmo problema?